comprar carro

7 erros comuns que deve evitar ao comprar carro

Está a pensar comprar carro?

O mercado está repleto de vários tipos de veículos e com a evolução da tecnologia podemos assistir à entrada de automóveis cada vez mais sofisticados, abrindo o leque de opções.

No entanto, um carro novo é sempre um grande investimento e, como tal, é fundamental saber que está a fazer a melhor escolha possível. Continue a ler para garantir que faz um bom investimento no seu próximo automóvel.

 

Os erros mais cometidos na hora de comprar carro

Como dissemos anteriormente, comprar carro não é um processo simples e, como terá que investir, é fundamental ter a certeza de que está a fazer um investimento inteligente.

Esteja a pensar comprar um carro novo ou usado, há algumas coisas em que deve prestar atenção para garantir que compra o veículo certo para si.

Por vezes, muitas pessoas compram algo que mais tarde se arrependem, por não terem pensado bem na compra que estavam a fazer. Apresentamos-lhe de seguida alguns dos erros mais comuns que deve evitar ao comprar um carro para que possa fazer escolhas mais acertadas no futuro.

 

1. Escolher design em vez de qualidade

Ainda que as suas preferências pessoais o levem a querer comprar um veículo que se adapta a si em termos estéticos, é importante que evite comprar um carro apenas porque gosta da sua aparência.

Durante a seleção do veículo, faça uma pesquisa aprofundada para ter a certeza de que encontrou um automóvel que representa uma combinação equilibrada de design e qualidade.

 

2. Nunca fazer um test drive

Fazer um test drive é especialmente importante quando está a comprar um carro sobretudo se for usado.

Ao experimentar o veículo, vai ser capaz de perceber como o carro reage durante a condução e se o motor e outras peças estão a funcionar corretamente.

Apesar de ser imperativo num carro usado, o test drive não deixa de ser aconselhável na compra de um carro novo. Peça para conduzir o carro por alguns minutos de forma a perceber se este realmente se adequa às suas preferências e necessidades.

 

3. Não negociar o preço da viatura

Se estiver a comprar um carro novo na concessionária oficial, é difícil obter qualquer desconto. No entanto, existem muitas empresas de revenda de automóveis com alguma margem para descontos.

Caso o preço do revendedor seja muito superior ao valor oficial do fabricante, tente convencê-lo a baixar o preço.

Se vai comprar um carro usado, existem muitas variáveis que podem afetar a percentagem de desconto. Faça uma pesquisa de forma a encontrar o valor médio desse modelo no mercado e, quando entrar no stand para conhecer o veículo, verifique todos os detalhes, pois até um pequeno arranhão pode ajudá-lo a economizar dinheiro.

 

kroftools-subscrevernl

 

4. Pensar apenas no veículo e esquecer a oportunidade de negociar

As concessionárias têm as suas estratégias para atrair novos clientes, mas algumas ofertas não são tão vantajosas como parecem.

Por exemplo, pode haver uma oferta exclusiva que seja acessível, mas eles sabem que o carro que listaram não é tão atraente no mercado e querem livrar-se desse modelo o mais rapidamente possível.

 

5. Não avaliar bem o seu orçamento

Antes de comprar um carro, avalie bem a sua capacidade financeira e planeie os seus investimentos.

Faça um cálculo prévio e adequado ao seu orçamento familiar com base naquilo que consegue cumprir.

 

6. Esquecer os equipamentos extra do automóvel

Na maioria dos casos, o preço que está no anúncio corresponde ao veículo com o equipamento padrão e, provavelmente, na hora da compra, o vendedor vai oferecer-lhe alguns modelos mais caros.

Sob o equipamento adicional, o vendedor pode mostrar-lhe, entre outras coisas, um sistema de som premium, assistência por voz ou bancos em pele.

Porém, em alguns casos (ou quase todos) adicionar equipamento extra a um veículo pode aumentar o seu preço em milhares de euros. Por isso, pense bem nas suas necessidades e preferências antes de aceitar tudo o que o vendedor lhe propõe.

 

7. Esquecer-se de verificar o estado de conservação do veículo

Embora haja uma garantia de alguns anos quando compra um carro novo, comprar carros usados pode ser arriscado se não tiver grandes conhecimentos de mecânica e performance automóvel.

É por esta razão que um veículo usado deve ser inspecionado por um mecânico experiente antes de ser adquirido. Converse com o vendedor para saber se o diagnóstico está incluído no preço.

Comprar um carro novo ou usado é uma decisão que deve ser bem ponderada pois, na maioria das vezes, são investimentos consideravelmente altos.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.