gestão de pessoas

3 dicas de gestão de pessoas que o vão tornar num melhor gestor

Sabe como fazer uma boa gestão de pessoas?

Quer seja o administrador, o CEO, o novo gerente ou um colaborador, saber como trabalhar com pessoas é fundamental para ter sucesso em qualquer trabalho. 

Saber gerir pessoas e todas as suas peculiaridades, motivações e ambições é crucial para ter sucesso no seu trabalho é também uma parte muito importante do sucesso da empresa.

Atrevemo-nos mesmo a dizer que esta é a componente mais importante de qualquer empresa. Afinal de contas, sem pessoas, esta não funcionaria.

 

Gestão de pessoas: como melhorar as suas capacidades de gestor

Felizmente, as habilidades de gestão de pessoas podem ser aprendidas e melhoradas, seja um gerente na fase inicial da carreira ou alguém com largos anos de experiência no mercado de trabalho.

Embora essas habilidades levem algum tempo (e dedicação) para serem dominadas, as melhorias podem ser iniciadas em qualquer momento.

Tome nota das 3 dicas de gestão de pessoas que preparámos para si e que consideramos fundamentais para o sucesso de qualquer negócio:

 

1. Escute com atenção as pessoas que trabalham consigo

Ouvir é fácil, escutar requer tempo, disponibilidade e um interesse genuíno.

Quando alguém falar consigo, esteja atento, mantenha contato visual, tome notas e espere que a outra pessoa termine antes de falar. 

O truque para se tornar um bom ouvinte inclui manter a mente aberta, evitando conclusões precipitadas e juízos de valor antes ou durante as conversas.

Isso significa que não deve presumir o que um colaborador está a pensar, qual é o seu problema ou qual é a solução para o mesmo. Ponha de lado as suas crenças e, de forma interessada, faça perguntas.

Se as pessoas que trabalham consigo sentirem que os seus problemas e ambições são escutados, vão sentir-se motivadas e felizes.

 

kroftools-subscrevernl

 

2. Mantenha o equilíbrio entre as críticas e os elogios

Embora possa parecer mais fácil elogiar do que criticar, no mundo do trabalho a crítica parece reinar e nem sempre de forma construtiva.

Os colaboradores precisam de um equilíbrio entre elogios e críticas para se sentirem motivados e serem capazes de melhorar o seu trabalho e prosperar.

Se apenas elogia o bom trabalho dos seus colaboradores, não os vai ajudar a crescer. Se apenas os critica, vai desmoralizá-los.

Contudo, dê sempre mais elogios do que críticas. E isso não significa que vai mentir ou ser desonesto. Trata-se de reconhecer quando, onde e como elogiar.

Os esforços dos colaboradores devem ser recompensados regularmente. Elogios públicos, privados e prémios de reconhecimento são ferramentas de gestão de pessoas que geram autoconfiança, motivação, bem-estar e potenciam a produtividade.

A crítica, assim como o elogio, deve ser oportuna. Em vez de simplesmente apontar os erros, os bons gerentes darão um bom feedback, ajudando os seus colaboradores a encontrar soluções para resolver os seus pontos fracos e assim melhorarem as suas aptidões.

Ajude os colaboradores a definirem novas metas, mostra que acredita nas suas capacidades e que está disposto a ajudá-los. Lembre-se sempre de começar e de terminar com um apontamento positivo.

 

3. Nunca termine uma reunião sem fazer uma questão-chave

Seja qual for o tipo de reunião que tiver, certifique-se que termina sempre com esta questão: “Há mais alguma coisa que queira dizer?” ou “Gostava de acrescentar mais alguma coisa antes de terminarmos?”

Dê aos seus colaboradores oportunidade para pedir ajuda e partilharem as suas opiniões em vez de terem de esperar até haver uma nova reunião. 

Esta é uma maneira fácil de construir a confiança dos seus colaboradores e de ser um melhor gerente. Mostra que se preocupa e que deseja verdadeiramente saber o que eles pensam e quais são os seus desejos e ambições – mesmo que isso não esteja na agenda da reunião.

A gestão de pessoas depende de relacionamentos interpessoais e construir esses relacionamentos em cada reunião é uma ótima maneira de se conectar com as pessoas.

Um bom gerente é proativo e está sempre atento às necessidades do seu local de trabalho e dos seus colaboradores.

As pessoas que trabalham consigo e para si não vão resolver de imediato todas as questões e encontrar o caminho perfeito para alcançar os objetivos para maximizar os lucros da sua empresa. Cabe-lhe a si orientá-los pois, como líder, a gestão de pessoas é absolutamente crucial.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.